13 de jul de 2011

Cheiros e sabores da infância

Os cheiros e sabores da infância são inesquecíveis!!

Quem não guarda boas lembranças?
Cheiro do café da manhã,
do doce de leite na panela,
bolo de fubá quente, de banana...biscoito no tabuleiro...
e a macarronada de domingo então!!
A Maquininha soltava fios e fios que mais pareciam cabelo de gente!
Depois deixá-los secar um pouco, pendurados numa tábua cumprida.
O molho já começava a cheirar pela casa,
e as porpetas anunciavam que o almoço prometia!!
Tudo era uma festa!!


Segundo pesquisadores,
ao se deparar com uma dessas iguarias novamente,
ou algo com o mesmo cheiro
pode abrir gavetas esquecidas na mente
e fazer reviver sensações.
É um gatilho para a volta do tempo.


A relação entre aromas, imagens e emoções do passado,
tem a sua razão de ser,
a classificação dos cheiros é feita pela sistema límbico,
que é responsável também pelas emoções
e pelos registros da memória.
Assim um cheiro que nos remete ao passado
vem sempre com uma emoção.


Hoje a ciência sabe que o gosto é formado
muito mais pelos aromas ( mais de 70%) do que pelo paladar.
Mas, nenhum aroma ou sabor é mais delicioso
que os provados na infância,
pois nessa fase
se come com os olhos e com a imaginação!!