18 de jun de 2012

O pessimista

O pessimista não acredita
que as coisas darão certo.
Espera sempre pelo pior...
pois, acredita que não há nada
que se possa fazer.
Fica empacado, na queixa, no anti-fluxo da vida.

Se a vida não flui, nada flui.
Ele não se dá  chance de descobrir se pode ou não mudar as coisas, resiste às mudanças.
Não consegue ter uma atitude mais adulta diante dos desafios da vida.
As dificuldades para ele são permanentes...

Já o otimista, assim que percebe que as coisas não estão bem,
acredita que pode melhorar.
Tira proveito das suas experiências e
consegue evitar muita coisa ruim.
Para ele as dificuldades são passageiras...
Ele é persistente, acredita que as coisas podem dar certo,
ele é mais resistente aos problemas e aos obstáculos,
tem mais sucesso na vida.
Lógico, quem tenta mais,
tem mais chances de ter sucesso.
Com isso o otimista é menos stressado,
apesar dele se esforçar mais, portanto
stress não significa excesso de trabalho, mas sim
como se encara a vida e os problemas.

Antídoto contra o pessimismo:
Flexibilidade.
Reconhecer que há um problema de atitude e mudar velhos hábitos,
o jeito de agir, o jeito de pensar,
acionando a força e a capacidade de resolução
que se encontra dentro de todos nós.

Enquanto acreditar que não saberá enfrentar os desafios da vida,
não saberá mesmo.