11 de dez de 2008

Sentido da Vida


Um grande banco promoveu um workshop
para os seus 100 clientes mais ricos.
Foi pedido a eles que colocassem a cifra que haviam colocado
como alvo no começo da carreira.

Em seguida foi pedido que levantassem a mão quem havia
superado a marca almejada, 90 o fizeram.
Fez a eles então a seguinte pergunta:

Qual a razão de vocês levantarem toda a segunda de manhã
e irem ao escritório se já atingiram seu objetivo de vida como empresários?´

Silêncio total...
depois de muitos questionamentos chegou-se a conclusão que
a razão principal não é para ficar mais rico ou para fazer doações
a entidades ou para gerar mais empregos..etc..
Mas sim para se sentirem vivos,
para cumprir o propósito de sua existência, expandir seus talentos
dar vazão a eles..manter a auto-estima elevada.
Gostam do que fazem, acordam todos os dias com a alegria e ânimo.
Ganham assim uma força motivadora
ainda mais intensa,
a "vontade de sentido."

Nossa alma pode suportar tudo
menos a falta de um significado para a vida.

"Se você tem um porquê, então pode suportar todos os comos."
Estamos aqui antes de tudo para sermos felizes...
Uma árvore pode nascer e crescer usufruindo do que a terra,
a água, o ar e o sol lhe proporcionam.
Isso é a sua vida.
Contudo, o que poderíamos considerar o seu propósito?
Servir de sombra e ninho para outros seres.
Produzir fruto, que sirva de alimento para alguém.
Produzir semente que lhe perpetue a espécie.


Você já encontrou o sentido para a sua vida?