23 de jan de 2008

A força das palavras


Parece incrível, mas é verdade.
As palavras tem muita força, e são mais importantes do que possam parecer.
Somos muito descuidados com o uso das palavras.
Pare um minuto.... e reflita
sobre a qualidade das palavras
que você disse durante o dia de hoje!!
Analise se foram palavras de carinho ou de irritação,
palavras que apoiaram ou ridicularizaram.
Veja se o que prevaleceu foram expressões de amor e respeito ao próximo
ou frases rudes e mal construídas,
proveniente muitas vezes, da intolerância com as coisas pequenas.
As palavras tem muita força tanto para construir como para destruir,
para salvar e para ferir.
Uma palavra pode marcar alguém para o resto da vida.
Evite os termos impróprios e pesados,
até porque tudo o que se diz não se retira e o que se ouve não se esquece.
Adote, portanto um vocabulário otimista
e verá a docilidade se propagar facilmente.
Use a palavra para edificar, não para destruir,
para apaziguar, não para ferir,
para valorizar, não para diminuir.
Palavras são como sementes;
quando pronunciadas, são plantadas na mente
e adquirem vida própria.
Criam raízes, crescem e produzem frutos da mesma espécie.
Somos responsáveis portanto pela qualidade das nossas colheitas,
querendo ou não, colhemos os frutos das palavras que emitimos.
Assim, caso queira atrair o Bem,
é bom no Bem pensar
e boas palavras articular.


Você costuma "rasgar" o verbo quando se irrita ?