22 de jan de 2008

Auto confiança

Tem situações na vida que são desagradáveis!!
Está ali na sua frente,
aquela sensação de desconforto enorme
e você vai levando...
empurrando..empurrando....
e fica no amém, ou seja na queixa e lamúria!
O interessante é que não
tomamos nenhuma atitude de resolução,
mesmo quando algo já está insuportável.
Colocamos a culpa nas pessoas , na política,
no governo, em Deus...e vamos
levando, não investigando, qual a razão da não resolução!
No fundo, no fundo,
sem se dar conta,
aquela situação desconfortável de alguma forma
é favorável...
Com certeza!!
Tem-se ganhos muito maiores que as perdas e aí
que mora o perigo, nós vamos valorizando o sofrimento e o desconforto!!
Na verdade o que nós queremos é garantias,
mesmo que seja
à custa do desconforto.
O que falta para tomarmos uma atitude para sair do desconforto,
ou resolver uma questão
ou encerrar uma situação
ou abrir outra?
É a autoconfiança.
Na verdade você não confia
na sua força interna, na sua capacidade,
se não tem essa força ainda, não tome nenhuma atitude,
porque é preciso da
autoconfiança para essa troca.
A boa noticia é que a auto confiança pode se aprender e exercitar.
Como adquirir?
Elevar o pensamento à visão de que tudo é para o seu bem,
se tudo é para o seu bem você se acalma,
e investiga.
O que tenho que aprender com essa situação?
O que a vida quer me ensinar?
A auto confiança é uma questão de sobrevivência,
baseia-se no autoconhecimento,
onde se é capaz de reconhecer os pontos fracos
para poder transformá-los e os
pontos fortes para aprimorá-los.
Estamos aprendendo a viver,
é uma tarefa diária saber como e porque agimos.

Vamos aprender a olhar a vida?